queimaduras-dr-renato-carvalho

Queimaduras e cirurgia plástica

No Brasil, há uma estimativa de que aconteçam aproximadamente 1.000.000 de acidentes com queimaduras por ano. De acordo com os dados da Revista Brasileira de Queimaduras, o sexo masculino é o mais acometido por acidentes com queimaduras, tendo o álcool como a principal fonte de acidentes em todas as faixas etárias, exceto em crianças entre 0 a 4 anos, que sao as mais cometidas por queimaduras, tendo como principal agente etiológico a escaldadura e o principal local de acidente a cozinha doméstica.

Tipos de queimadura

Queimadura de primeiro grau

É a queimadura superficial, na epiderme da pele, e os sintomas mais comuns são dor e vermelhidão intensa, mas sem produção de bolhas.

Queimadura de segundo grau

Superficial: atinge a epiderme e a parte superficial da derme da pessoa. Além da vermelhidão e da dor, aparecem bolhas que secam em até 3 semanas.

Profundo: toda a derme é atingida, e a depender da extensão, pode causar queda de pelos e pele seca, demorando mais de três semanas para cicatrizar.

Queimadura de terceiro grau

Atinge toda a derme e os tecidos, destruindo nervos e atingindo até músculos e estruturas ósseas do corpo. As lesões deformam a pele, sendo necessário atendimento cirúrgico.

Primeiros socorros

Queimadura de primeiro grau

  • Coloque a região queimada debaixo de água fria por, pelo menos, 15 minutos;
  • Mantenha um pano limpo e umedecido em água fria na região durante as primeiras 24 horas, trocando sempre que a água aquecer;
  • Não aplique qualquer produto como óleo, manteiga ou pasta de dente na queimadura;
  • Passe uma pomada hidratante e cicatrizante para queimaduras.

Queimadura de segundo grau

  • Coloque o local afetado debaixo de água corrente fria por, pelo menos, 15 minutos;
  • Lave cuidadosamente a queimadura com água fria e sabão neutro, evitando esfregar com força;
  • Cubra a região com uma gaze molhada durante as primeiras 48 horas, trocando sempre que necessário;
  • Não fure as bolhas e não aplique qualquer produto no local, para evitar o risco de infecção;
  • Procure ajuda médica se a bolha for muito grande.

Queimadura de terceiro grau

  • Chame imediatamente uma ambulância ou leve a pessoa rapidamente para o hospital;
  • Coloque cuidadosamente uma gaze esterilizada ou um pano limpo sobre a região afetada, até a chegada da ajuda médica.

Cirurgia plástica para queimadura

A demanda por uma intervenção cirúrgica após a queimadura depende do grau da lesão, amplitude, local afetado e perda de funcionalidades. Além disso, o cirurgião plástico também considera as questões estéticas, como a formação de cicatrizes, retrações ou outras características de lesões causadas pela queimadura.

Técnicas cirúrgicas

  • Enxertos: utilizam-se fatias de pele saudável extraídas do próprio paciente, retiradas de locais de menor visibilidade.
  • Retalhos: visa a transferência não apenas da pele, mas juntamente com tecido irrigado por artérias para a região acometida, visando restabelecer as funcionalidades da área necrosada.

Pele de tilápia para cirurgia plástica

A cirurgia plástica brasileira é uma das mais avançadas no mundo quando o assunto é ciência.

Já ouviram falar em pele de tilápia para tratar queimaduras? A pesquisa do cirurgião plástico Edmar Maciel sobre o tema já recebeu alguns prêmios. Ela se baseia na criação de um curativo biológico feito a partir da pele do peixe, método que trouxe uma maior qualidade de vida aos pacientes e gerou uma queda de 50% nos custos do tratamento.

Em agosto de 2020, um grupo de médicos brasileiros viajou até Beirute para auxiliar no tratamento dos mais de 5 mil feridos após a grande explosão na zona portuária da cidade. A equipe levou a pele de tilápia para tratar os ferimentos causados por queimaduras, além de outros medicamentos.

A plástica de reconstrução oferece uma nova vida para aqueles que passaram por um trauma tão grande, por isso o papel do cirurgião plástico é essencial durante o processo de recuperação.

Gostou do artigo de hoje? Então continue acompanhando meu blog e me no Instagram para ficar por dentro das novidades sobre saúde e cirurgias plásticas.

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp